sábado, 20 de agosto de 2016

Nos Estados Unidos: “Deus sim! Satanás Não e Não!”

[ipco]
Por


Fiéis de todo o mundo celebram no dia 15 de agosto a festa da Assunção de Nossa Senhora, durante a qual a Rainha das rainhas, Mãe de todas as mães é glorificada nos Céus pelas cortes angélicas, que enlevados por sua majestade cantam em seu louvor; e na Terra, apesar da atual decadência religiosa, incenso e ações de graças ainda circundam os altares santos de numerosas Igrejas.
Nesse dia, nos Estados Unidos da América, na cidade de Oklahoma City, satanistas perpetraram contra Deus Nosso Senhor um horrendo sacrilégio. Uma missa negra foi realizada e também um ultraje à Santíssima Virgem foi feito.

Milhares de protestos ignorados!

A American Society for the Defense of Tradition, Family and Property (TFP)[1], entidade que há mais de quatro décadas luta em prol dos valores morais da Civilização Cristã nos Estados Unidos foi uma das poucas vozes que se levantou publicamente e defendeu a honra de Nosso Senhor e de Maria Santíssima.
Algumas semanas antes de se realizar a missa negra, em seu site na internet, a TFP Student Action[2] (Ação Estudantil TFP) lançou um protesto[3] contra tal ato sacrílego. Mais de 150 mil pessoas assinaram e enviaram um e-mail ao governador e ao prefeito de Oklahoma City para abolirem tal ato. A America Needs Fatima[4] que, como também a TFP Student Action, é uma campanha da TFP Americana, coletou 47 mil assinaturas. E o site Citizen Go[5] recolheu 107 mil assinaturas, elevando  o total de assinaturas contra a missa negra para mais de 306.00 mil. Tais assinaturas foram absurdamente ignoradas pelas autoridades estaduais e municipais!

Batalha Espiritual

O ultimo 15 de agosto foi um dia obscuro para todo os Estados Unidos. No entanto, fíéis de todos os cantos do país acolheram o apelo da TFP Americana e foram ao local do sacrilégio para prestar um ato de reparação em frente ao centro Cívico de Oklahoma City.
As 17:30, membros da TFP Student Action, portando suas capas vermelhas marcadas pelo leão áureo, juntamente com correspondes e amigos vindos de varias partes de Arkansas, Califórnia, Connecticut, Flórida, Illinois, Kansas, Louisiana, Missouri, Nebraska, New York, Ohio, Oklahoma, Pensilvânia, Texas e Virginia, rezaram em conjunto um terço e bradaram slogans em direção do edifício em que se realizaria a missa negra.

No  ponto central do protesto estava uma imagem de Nossa Senhora de Fátima circundada por membros da TFP Americana vestidos com seu traje de gala.
Nos banners e placas ostentadas pelos presentes podia-se ler:
– “São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, sede nossa defesa contra as perversidades e ciladas do demônio.”.
– “Maria, Mãe de Deus e Nossa, nós humildemente pedimos: esmague a cabeça da serpente e livre a América de Satanás.”

“Porei ódio entre ti e a mulher, entre a tua descendência e a dela. Esta te ferirá a cabeça, e tu ferirás o calcanhar.” (Gen 3,15)
Em Oklahoma City e em todos os Estados Unidos uma batalha espiritual se realizou. Uma batalha de anjos e demônios que disputavam os corações de cada um para aderir ou rejeitar as abominações que se perpetravam no País.
Alegremo-nos por saber que católicos, fiéis a seus princípios, rejeitaram com galhardia tal ato.
Felicitamos a TFP Americana que, juntamente com seus correspondentes e amigos, realizou uma grande campanha em reparação à missa negra: combateram o bom combate sob a proteção de São Miguel, que no Céu bradou “Quis ut Deus!” contra as hordas diabólicas de Satanás.
Mas também não podemos deixar de nos entristecer com o ensurdecedor silêncio do Episcopado americano que, tanto quanto nos chegou, não se manifestou contra as organizações financiadoras de tal sacrilégio. Ou ainda, lastimamos o silêncio do Vaticano, que transmite palavras de encorajamento a tantas causas duvidosas e não pode unir-se aos milhares de fiéis que protestaram em face de um tão ousado e maligno ato perpetrado contra Deus Nosso Senhor na Nação mais poderosa da Terra.
Diante de tais acontecimentos, elevemos nossas orações aos Santos, Anjos e sobretudo a Nossa Senhora, que do mais alto dos céus acompanham e protegem a nossa luta nestes dias em que aguardamos confiantes o cumprimento das promessas regeneradoras da mensagem de Fátima.
Veja abaixo o vídeo publicado pela TFP Student Action que contém partes do protesto:


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...