sábado, 21 de janeiro de 2017

7 verdades do padre Amorth sobre a Revolução do diabo contra a Igreja

[ipco]
Por


Madonna del Soccorso (Nossa Senhora do Socorro), Ascoli Satriano, Itália

A equipe do site Aleteia fez uma oportuna compilação de sete verdades – que poderiam ser mais, obviamente – do experiente lutador contra Satanás padre Gabriele Amorth, exorcista da cidade dos Papas, Roma.
Elas poderão ser apreciadas por todos os que acompanham os temas que viemos focando em nosso blog Aparição de La Salette e suas profecias relacionados com a participação do chefe dos infernos na grande Revolução anticristã contra a qual Nossa Senhora quis alertar a Cristandade na montanha de La Salette.
Ei-las:

1. Satanás é o tentador desde o princípio dos tempos:

“Satanás é o tentador desde o princípio e é monótono – ele me confirmou isto: usa o mesmo método para tentar o homem, que é livre; usa as suas fraquezas.
“A ação ordinária é tentar; e a extraordinária, e muito rara, é a possessão diabólica”.

2. O diabo é uma pessoa, não uma simples representação do mal:

“Satanás quer que não falemos dele; ele se esconde. O diabo é uma pessoa. Não é só uma mera representação do mal”, disse o pe. Amorth ao canal TV2000.
Em seu livro O último exorcista, o sacerdote reforçou que “não devemos nos esquecer de que o diabo é mentiroso; por isso é necessário relativizar e, se possível, comprovar as respostas dele.
“É preciso comprovar tudo, especialmente um dado fundamental: a origem da vexação ou possessão, quem é o autor do malefício.
“É preciso comprovar porque o demônio pretende semear ódios e rancores; ele pode dizer que foi a sogra, a irmã, a prima ou a tia, e depois se descobre que não era verdade”.

3. O diabo tem medo de Nossa Senhora:

Pe. Gabriele Amorth R.I.P., foi exorcista de Roma

“O diabo tem medo de Nossa Senhora, porque ela é uma criatura nascida sem pecado, humilde e obediente a Deus desde sempre.
“Uma vez eu perguntei ao diabo: ‘Por que você se sobressalta mais quando invoco a Virgem Maria do que quando invoco Jesus?’.
“E a resposta dele: ‘Porque me humilha mais ser derrotado por uma criatura humana do que ser derrotado por Jesus’”.

4. O Estado Islâmico (ISIS) é dirigido por Satanás:

Em 27 de maio de 2015, o exorcista de Roma afirmou, segundo o sacerdote a Fabio Marchese Regona, do Il giornale.it.
“Onde há mal, pequeno ou grande, é sempre o demônio que sugere […]
“Sem dúvida, o ISIS, eu tenho certeza, onde há guerra e destruição está sempre o diabo rindo por trás.
“Deus não permitiria isso jamais, Deus só quer coisas boas.
“E essa gente [do Estado Islâmico] pode também disparar contra o papa sem hesitação…”.

5. O diabo odeia a Igreja católica e adora as seitas:


No livro O último exorcista, o pe. Amorth assegura que as seitas são usadas pelo diabo para atingir os seus objetivos.
“Quando se faz um pacto com Satanás, o próprio diabo reconhece que a única religião verdadeira é a cristã católica, fiel ao papa, e, por isso, as seitas lutam contra ela.
“Toleram a duras penas as outras religiões cristãs, enquanto apoiam religiões falsas.
“As seitas costumam se esconder atrás de nomes e objetivos falsos, quase sempre como terapias alternativas à medicina tradicional”.

6. Fé, oração e jejum para combater o diabo:

Em um vídeo de 17 de abril de 2015, voltado aos exorcistas, o pe. Amorth recordou:
“Não valemos nem um centavo se não acreditamos em Jesus”; “a oração e a confissão” são instrumentos irrenunciáveis para um “limpo servidor de Jesus”.
No mesmo vídeo, ele incentiva o jejum a fim de preparar o corpo para as privações que o diabo pode usar para nos tentar.

7. Uma resposta às ameaças do diabo:

Nosso Senhor, afirma ele, concede aos exorcistas e aos batizados “toda a graça para enfrentar e superar o diabo”.
No livro Deus é mais belo que o diabo, ele atesta que cada um pode responder às ameaças do diabo:
Estou envolto no manto de Maria. Que podes fazer contra mim? Tenho ao meu lado o arcanjo São Miguel. Tenta lutar contra ele.
“Tenho o meu anjo da guarda, que vela para que eu não seja tocado; tu não podes fazer nada”.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...