segunda-feira, 4 de julho de 2016

Você já ouviu dizer que religião não salva?

[afeexplicada]


Já virou até clichê que “religião não salva” e que “Jesus não fundou Igreja” e por ai vai, mas o mais curioso é que geralmente as mesmas pessoas que costumam dizer isso vivem praticando o proselitismo religioso, ou seja, trabalham e se empenham em “converter” pessoas a sua religião.
Bom, esse argumento é tão incoerente com as atitudes praticadas, que se religião realmente não salva, então qual o motivo de tentar “converter” as pessoas a sua religião? Muitas vezes, isso é feito infelizmente através do terrorismo mental, por mentiras e por falsos julgamentos. Não há o mínimo de respeito pela outra religião e por outra pessoa.
Obviamente não podemos cair no relativismo em dizer que toda religião é boa e que tudo que fala de Deus é bom. Relativismo religioso não é de Deus, na verdade é uma das estratégias da Nova Era para fazer o povo perder a fé, já que se tudo que fala de Deus é bom, então não existe uma verdade, ou seja, toda religião tem os fragmentos de verdade. Já existem no Brasil e no mundo muitos grupos com pessoas de várias religiões misturadas dizendo que todas possuem a verdade ou fragmentos de verdade. Isso se chama sincretismo religioso, ou seja, a mistura de todas as religiões numa só, que num dado momento será a religião universal, uma das profecias para o fim dos tempos.
Igreja, depositária da aliança com Deus e instrumento humano de salvação desde o antigo testamento
Entre o povo hebreu, a palavra “igreja” designava assembleia santa dos filhos de Israel, depositária da aliança com Deus e instrumento humano da história de salvação, como podemos ver:

“Porque conduziste a assembleia do Senhor a este deserto, para nos deixar morrer aqui com nossos rebanhos?” Números 20, 4 “O homem cujos testículos foram esmagados ou cortados o membro viril, não será admitido na assembleia do Senhor. O bastardo não entrará tampouco na assembleia do Senhor, mesmo até a décima geração. O amonita e o moabita não serão admitidos na assembleia do Senhor, mesmo até a décima geração” Deuteronômio 23, 2-4 “Os chefes de todo o povo e todas as tribos de Israel apresentaram-se diante da assembleia do povo de Deus: havia quatrocentos mil homens de pé, armados com espada.” Juízes 20, 2
Desde o antigo testamento é possível que Deus use de instrumento humano para Sua Obra, como podemos ver:
“E toda essa multidão saberá que não é com a espada e nem com a lança que o Senhor triunfa, pois a batalha é do Senhor e Ele vos entregou em nossas mãos.” 1 Samuel 17, 47
Podemos ver também que desde o antigo testamento a expressão “Igreja” também é designada para o prédio:
“Disse o rei Davi a toda assembleia: “Meu filho Salomão, o único que Deus escolheu, é ainda jovem e fraco; e a obra é considerável, pois não é a um homem que este palácio é destinado, mas ao Senhor Deus.” 1 Crônicas 29, 1
Portanto, a argumento incoerente também é anti bíblica, digo incoerente, pois quando dizem que religião e placa de “igreja” não salva e mesmo assim querem que as pessoas se convertam a sua religião, e anti bíblica, porque quando se questiona a primeira argumentação dizem que é a “igreja é invisível”, mas que mesmo assim o fundador da seita é a pessoa que teve a revelação e por consequência possui a verdade.
Igreja meus irmãos é minhas irmãs é o Corpo de Cristo, é o templo do Espírito de Deus, é a esposa de Jesus e é também o povo de Deus. Bom, se ela é Corpo de Cristo é humana e divina, pois Cristo é perfeitamente humano e perfeitamente Deus. A Igreja é divina é formada por homens, a cabeça é Cristo e nós somos seus membros e alma é o Espírito Santo.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...